27 de março de 2014

Intolerância a lactose ou alergia ao leite de vaca?




Duas doenças frequentemente confundidas pelo fato de ter um alimento causador em comum: o leite, porém são diferentes, e necessitam de diagnóstico médico e acompanhamento nutricional.

A Intolerância à lactose ocorre quando o organismo não produz ou produz pouca quantidade da enzima lactase, responsável pela digestão da lactose (açúcar do leite). A falta dessa enzima favorece o acúmulo da lactose no intestino, e ocorre fermentação por bactérias, provocando diarréia, gases, cólicas e distensão abdominal.

Já a alergia desencadeia uma resposta do sistema imunológico, mediada por anticorpos, contra um organismo “estranho”, que no caso é a proteína proveniente do leite. A alergia imediata é mediada por IgE, gerando sintomas que aparecem pouco depois da ingestão do alimento, como reações de pele, problemas respiratórios e até edema de glote. Já a alergia tardia, mediada por igG, demora horas e até dias para desencadear quadro alérgico, sempre em conjunto com processos inflamatórios. São descritos na literatura mais de 150 sintomas relacionados a alergia tardia, dentre eles:

  • Doenças auto-imunes
  • Dor de cabeça (enxaqueca, cefaleia)
  • Depressão, Ansiedade
  • Artrite e dor articular
  • Sintomas respiratórios  crônicos (sinusite, rinite, asma)
  • Dor abdominal
  • Problemas intestinais (colite, diarreia, constipação)
  • Insônia
  • Dermatite
  • Obesidade
  • Fadiga 

Procure sempre um profissional para uma avaliação completa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário